• Preparação de universitários de grupos diversos para carreiras STEM

    • De acordo com uma pesquisa do National Center for Women & Information Technology, até 2029, são esperadas 3,6 milhões de vagas de emprego relacionadas à computação nos Estados Unidos, e somente 24% delas poderiam ser preenchidas por bacharéis em computação norte-americanos, dada a trajetória atual. Com base nas pesquisas atuais, até 2030, o setor de tecnologia terá uma escassez de mão de obra de 4,3 milhões de profissionais. Além da escassez de mão de obra prevista, o setor de tecnologia está enfrentando problemas com diversidade e inclusão.

      De acordo com a U.S. Equal Employment Opportunity Commission, muitos grupos ainda são pouco representados no setor de tecnologia, apesar das melhorias recentes. Para atender bem os clientes do futuro, precisamos de mais alunos estudando STEM hoje. Não podemos preencher nosso pipeline de talentos sem resolver a falta de diversidade.

    • PROJECT IMMERSION

      Treinamento técnico diferenciado e imersivo

    • Como uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, a Dell Technologies pretende desempenhar um papel importante para garantir que os avanços tecnológicos sejam criados e movidos por grupos diversos de pessoas. Trabalhadores negros/afro-americanos e hispânicos/latinos ainda são bastante sub-representados no setor de tecnologia. Com o programa Project Immersion, pretendemos mudar a narrativa da diversidade na área de tecnologia ao preparar estudantes de grupos diversos com as habilidades técnicas e profissionais necessárias para o sucesso no futuro digital.

    • O Project Immersion firma parcerias com faculdades e universidades historicamente voltadas para a população negra, além de instituições que atendem a hispânicos e membros de outras minorias, para desenvolver o programa que vai preparar os alunos com as habilidades mais desejadas pelo setor de tecnologia e necessárias para prosperar na empresa digital do futuro. Os tópicos abordados incluem engenharia de vendas, segurança cibernética e ciência de dados. Os alunos entram em contato com a tecnologia mais recente, casos de negócios atuais e especialistas do setor.

    • ALIGN

      Ajudando profissionais que não são de TI a fazer a transição para a área

    • Esse programa me incentiva a acreditar que sou capaz de aprender um tópico totalmente novo em qualquer idade, não importa quão difícil ele possa parecer. É muito estimulante aprender as habilidades específicas necessárias para ingressar em um campo de estudos completamente novo e diferente, a ciência da computação.

      BETHSAIRA DEOLIVEIRA, DELL ALIGN SCHOLAR

      Mudanças de carreira são comuns no ambiente de trabalho dinâmico de hoje em dia. Queremos ajudar mais profissionais a fazer a transição para carreiras tecnológicas. É por isso que apoiamos o programa Align, da Northeastern University, que tem como foco o atendimento a mulheres e minorias sub-representadas de áreas fora da TI e que estejam interessadas em cursar um mestrado em ciências da computação. Em 2018, o programa Align ofereceu mentoria e orientações para desenvolvimento de carreira a 150 estudantes. Além disso, cinco Dell Align Scholars receberam suporte financeiro da Dell Technologies e futuros cargos de cooperação com a nossa empresa. Nosso objetivo é dobrar o alcance no próximo ano. Estamos trabalhando com outras empresas e universidades para expandir o Align nos Estados Unidos

    • STEMASPIRE

      Capacitando mulheres para seguirem carreiras de STEM

    • Comecei como faxineira aqui na Irlanda, porque essa era a única oportunidade disponível para mim naquele momento. Quando aceitei o desafio de voltar para a faculdade depois de 22 anos, nunca pensei que acabaria trabalhando em uma grande empresa como a Dell Technologies. O STEMAspire me recebeu de braços abertos e me falou sobre oportunidades que eu nunca teria conhecido.

      Lina Albay, Aluno do STEMAspire 2019, serviços técnicos empresariais, Dell Technologies – Cork

      No Reino Unido, as mulheres constituem apenas 15% dos graduados em engenharia, 19% dos graduados em estudos de computação, 38% dos graduados em matemática e somente 13% da força de trabalho de STEM. Pesquisas sugerem que muitas mulheres consideram que as empresas de tecnologia são dominadas por homens com um equilíbrio precário entre trabalho e vida pessoal. Algumas também almejam uma carreira mais voltada a um propósito, e não sentem que a área de tecnologia se adapta a isso.

      Para mudar essa impressão equivocada e manter mais universitárias de áreas de STEM no caminho das carreiras tecnológicas, criamos um programa intensivo de mentoria, com duração de 12 meses, chamado STEMAspire. Este programa foi lançado em Cork, na Irlanda, em 2018, e combinou alunos da University College Cork e do Cork Institute for Technology com mentores da nossa equipe local da Dell Technologies.

      Desde então, estendemos o STEMAspire para seis sedes da Dell Technologies na Irlanda e na Escócia. Cada aluna do STEMAspire tem reuniões com seu mentor para desenvolver habilidades de negócios essenciais. O programa tem se mostrado especialmente popular entre mulheres de grupos minoritários étnicos.

    • Saiba mais sobre o nosso progresso

    • decorativo

      Relatório de inclusão e diversidade de 2021

      Descubra como estamos criando uma força de trabalho inclusiva e que representa os clientes diversificados e globais que atendemos.

    • decorativo

      Seja quem você é

      Ouça a opinião de alguns dos membros da nossa equipe global sobre como estamos garantindo que a Dell Technologies seja composta pelos talentos mais excepcionais, independentemente de gênero, etnia, orientação sexual ou origem.